Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Erecções 2009

Erecções 2009

26
Set09

um post sobre música

Sr. Rocha da Internet

 Estava eu aqui a reflectir quando de repente me distraí com o ranger da cadeira que balouçava de forma a eu reflectir com mais qualidade. Acabei por voltar a ouvir a música de ontem à noite do "Está na hora de fazer a luta toda" e a ter flashes  de Louçã a cantar, com o pé a dar-a-dar e a bater palmas. Uma imagem demoníaca que pude ver ao vivo. Sim, eu fui ao concerto do Bloco.

Aquilo é um concerto e ponto final (parágrafo).

Na bateria temos Luís Fazenda. É com cada martelada que até dói, uma espécie de Keith Moon mas com o cabelo à Marante. Nas guitarras temos o pequeno Soeiro, um jovem prodigioso apesar da idade e que acaba por abusar nos solos com a ânsia de triunfar. Depois não sabe onde se mete, está claro. No baixo temos João Semedo - o único médico em Portugal que não usa estetoscópio para sacar miúdas - que é o carregador de pianos da banda com um toque muito old school, mas ao mesmo tempo tecnicamente evoluído. E na voz, claro, o front man Louçã, um verdadeiro animal de palco e um líder insuperável.

No entanto, faz lembrar aquelas bandas que estão muito dependentes do seu front man e que mesmo achando que sem ele conseguem sobreviver é mais do que visto que seria muito difícil. Ainda assim ele tem medo e agradece quase de joelhos à equipa técnica: roadies e técnicos de som.

O público deixou de ser aquele nichozinho de culto para passar a ser uma coisa mais mainstream. Já se vêem algumas camisolas da social-democracia hard-rock, onde dantes só havia espaço para o socialismo hard-core. A música, essa foi a mesma de sempre.

Mesmo para quem não gosta vale sempre a pena espreitar.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D